É com muito pesar que informamos sobre o falecimento de Maurício Eduardo Rosskamp, esposo da professora Ana Lúcia Martins, companheira que faz parte do Coletivo Ashanti de Mulheres Negras de Joinville e grande parceira da Rede Mulheres Negras – PR. Maurício Rosskamp foi violentamente assassinado na madrugada desta quinta-feira, dia 20 de dezembro e seu corpo foi […]

VER TAMBÉM:
TAGS:

É com muito pesar que informamos sobre o falecimento de Maurício Eduardo Rosskamp, esposo da professora Ana Lúcia Martins, companheira que faz parte do Coletivo Ashanti de Mulheres Negras de Joinville e grande parceira da Rede Mulheres Negras – PR.

Maurício Rosskamp foi violentamente assassinado na madrugada desta quinta-feira, dia 20 de dezembro e seu corpo foi encontrado com vestígios de agressão por algum objeto contundente, o qual não foi especificado. Seu carro foi localizado incendiado na Rua Jacupiranga, no bairro Aventureiro, a 17 quilômetros do local onde o corpo foi encontrado.

Advogado atuante em análises e aprovações de projetos de lei, especialmente na Comissão de Legislação e Justiça, seu histórico de lutas ficará lembrado pelos resultados quanto ao enfrentamento dos conflitos da sociedade.

A Rede Mulheres Negras – PR deixa os mais sinceros sentimentos e deseja muita força à Ana Lúcia Martins, seus filhos, demais familiares e amigos (as).

 

 

É com muito pesar que informamos sobre o falecimento de Maurício Eduardo Rosskamp, esposo da professora Ana Lúcia Martins, companheira que faz parte do Coletivo Ashanti de Mulheres Negras de Joinville e grande parceira da Rede Mulheres Negras – PR. Maurício Rosskamp foi violentamente assassinado na madrugada desta quinta-feira, dia 20 de dezembro e seu corpo foi […]

É com muito pesar que informamos sobre o falecimento de Maurício Eduardo Rosskamp, esposo da professora Ana Lúcia Martins, companheira que faz parte do Coletivo Ashanti de Mulheres Negras de Joinville e grande parceira da Rede Mulheres Negras – PR.

Maurício Rosskamp foi violentamente assassinado na madrugada desta quinta-feira, dia 20 de dezembro e seu corpo foi encontrado com vestígios de agressão por algum objeto contundente, o qual não foi especificado. Seu carro foi localizado incendiado na Rua Jacupiranga, no bairro Aventureiro, a 17 quilômetros do local onde o corpo foi encontrado.

Advogado atuante em análises e aprovações de projetos de lei, especialmente na Comissão de Legislação e Justiça, seu histórico de lutas ficará lembrado pelos resultados quanto ao enfrentamento dos conflitos da sociedade.

A Rede Mulheres Negras – PR deixa os mais sinceros sentimentos e deseja muita força à Ana Lúcia Martins, seus filhos, demais familiares e amigos (as).

 

 

VER TAMBÉM:

TAGS: