O evento teve como tema a Solidão e Saúde Mental das Mulheres Negras e fez parte da programação do Julho das Pretas – PR.   Foi realizada no dia 28 de julho de 2019, nas dependências do Sindicato dos Bancários de Cornélio Procópio – PR, a Roda de Conversa Solidão e Saúde Mental das Mulheres […]

VER TAMBÉM:

O evento teve como tema a Solidão e Saúde Mental das Mulheres Negras e fez parte da programação do Julho das Pretas – PR.

 

Evento fez parte do mote da RMN-PR para o Julho das Pretas: Força do Interior – Foto: RMN-PR

Foi realizada no dia 28 de julho de 2019, nas dependências do Sindicato dos Bancários de Cornélio Procópio – PR, a Roda de Conversa Solidão e Saúde Mental das Mulheres Negras. A atividade teve como foco a saúde mental da mulher negra e seu papel nos espaços urbanos.

Quarenta pessoas foram inscritas, dentre mulheres e homens, por ocasião das parcerias para realização da atividade.

A atividade mostrou a importância do debate racial e de gênero entre mulheres e homens – Foto: RMN-PR

A roda teve a colaboração da professora Carla, doutora em geografia que defende as causas do povo negro nos embates contra o racismo, a qual mediou o assunto das mulheres nos espaços urbanos.

Houve também a fala da professora Karina, militante da Associação dos Negros Procopenses (Anepro), da cidade de Cornélio Procópio,  que discorreu o assunto sobre a saúde mental da mulher negra.

Profissionais e militantes da área fazem suas contribuições dentro da temática do evento – Fonte: RMN-PR

O evento contou com a participação  da Enfermeira Valéria e seus colaboradores, representando a Secretaria de Saúde, que realizou testes rápidos nas pessoas ali presentes e divulgou material sobre a temática.

Colaboradores da Secretaria de Saúde realizam testes rápidos – Foto: RMN-PR

Para fechar as atividades, ocorreu um pequeno Sarau e jantar para os participantes.

Desta forma, foi realizada essa ação de conscientização com o objetivo de remeter ao Dia da  Mulher Negra, Latino-Americana e Caribenha, a qual finalizou as atividades da Rede de Mulheres Negras do Paraná dentro da programação do Julho das Pretas – PR 2019.

O evento teve como tema a Solidão e Saúde Mental das Mulheres Negras e fez parte da programação do Julho das Pretas – PR.   Foi realizada no dia 28 de julho de 2019, nas dependências do Sindicato dos Bancários de Cornélio Procópio – PR, a Roda de Conversa Solidão e Saúde Mental das Mulheres […]

O evento teve como tema a Solidão e Saúde Mental das Mulheres Negras e fez parte da programação do Julho das Pretas – PR.

 

Evento fez parte do mote da RMN-PR para o Julho das Pretas: Força do Interior – Foto: RMN-PR

Foi realizada no dia 28 de julho de 2019, nas dependências do Sindicato dos Bancários de Cornélio Procópio – PR, a Roda de Conversa Solidão e Saúde Mental das Mulheres Negras. A atividade teve como foco a saúde mental da mulher negra e seu papel nos espaços urbanos.

Quarenta pessoas foram inscritas, dentre mulheres e homens, por ocasião das parcerias para realização da atividade.

A atividade mostrou a importância do debate racial e de gênero entre mulheres e homens – Foto: RMN-PR

A roda teve a colaboração da professora Carla, doutora em geografia que defende as causas do povo negro nos embates contra o racismo, a qual mediou o assunto das mulheres nos espaços urbanos.

Houve também a fala da professora Karina, militante da Associação dos Negros Procopenses (Anepro), da cidade de Cornélio Procópio,  que discorreu o assunto sobre a saúde mental da mulher negra.

Profissionais e militantes da área fazem suas contribuições dentro da temática do evento – Fonte: RMN-PR

O evento contou com a participação  da Enfermeira Valéria e seus colaboradores, representando a Secretaria de Saúde, que realizou testes rápidos nas pessoas ali presentes e divulgou material sobre a temática.

Colaboradores da Secretaria de Saúde realizam testes rápidos – Foto: RMN-PR

Para fechar as atividades, ocorreu um pequeno Sarau e jantar para os participantes.

Desta forma, foi realizada essa ação de conscientização com o objetivo de remeter ao Dia da  Mulher Negra, Latino-Americana e Caribenha, a qual finalizou as atividades da Rede de Mulheres Negras do Paraná dentro da programação do Julho das Pretas – PR 2019.

VER TAMBÉM: